quinta-feira, agosto 05, 2004

Amor e Ódio

Fraca a capacidade
de amar
Forte a perspicácia
de se ódiar.
Em caminhos paralelos
caminham,
lado a lado
como irmãos;
Irmãos que nas veias o sangue corre
separadamente e completamente opostos.
Num, o sangue corre com tons de amor,
vermelho de sangue puro;
No outro o sangue corre com tons de ódio,
negro, sem força para vencer.
Incapazes de sorrir um para o outro,
Amor e Ódio
serão sempre a negação
da verdade oculta
do mistério por desvendar
do impossível.
Um dorme num roseiral
o outro,
o outro por e simplesmente
não dorme.
Eu já escolhi,
Eu ficarei a amar...
Só espero que isso não seja motivo,
para que tu,
fiques a odiar.

2 à janela:

At 5/8/04 9:09 da tarde, Blogger AmigaTeatro disse:

Não sei o que se passou com a data disto, eu mandei o post hoje, e aparece como sendo do dia 3 =S

enfim.... ://

 
At 7/8/04 12:40 da manhã, Blogger AmigaTeatro disse:

Já consegui por, nada data certa ;D

 

Enviar um comentário

<< Voltar ao mundo