sábado, abril 29, 2006

Silêncio



Adormecer e tentar encontrar-te cá dentro. Acreditar que talvez em sonhos tu me possas pertencer e, assim, devolveres-me a vida que, por ti, perdi. Mas a obsessão enlouquece-me e ter-te já não é uma questão de amor, mas sim de sobrevivência. O peso da ilusão é brutal e traz-me diariamente uma dor que me vai consumindo de tal forma que chego a deixar de sentir. Emudeço por completo, para sempre e, sem vontade de me erguer, deixo-me cair num abismo que só a mim me pertence. Deixo, então, que o tempo passe por mim, em troca de poder dormir perpetuamente. Sem dor. Sem o som da tua voz que me mata e me prende incessantemente a ti.

No dia em que o meu silêncio se quebrar será para dizer: Amo-te!

11 à janela:

At 29/4/06 5:31 da tarde, Blogger an0kes disse:

este também está muito bom... mas gostei mais do outro ;P


bjokas a xeirar a peixe imaginário eheh

 
At 29/4/06 7:43 da tarde, Blogger Silêncios disse:

Continuas triste...No post anterior reflectes isso, por uma outra razão.Qual delas é mais dolorosa?
Não sei dizer...cada uma á sua maneira...
Deixo-te um abraço, à falta de algo melhor, que possa fazer por ti...

 
At 29/4/06 11:55 da tarde, Blogger AmigaTeatro disse:

Ana,
jinho da tua anjinha :))

À flor da pele,
a morte é sempre mais dolorosa...
Beijito &)**

 
At 30/4/06 3:21 da tarde, Blogger Isa Calixto disse:

;D e beijinho por teres passado pelo meu cantinho...tb gostei de vir aqui...é triste, mas respira carinho e ternura pela vida...

 
At 30/4/06 7:51 da tarde, Anonymous Anónimo disse:

Belissimas palavras para descreveres aquilo que sentes para ocasiões da vida.

Beijinhos para ti

:-)

Tiago

Pedaços de Silêncio

 
At 1/5/06 12:43 da tarde, Blogger DE PROPOSITO disse:

Com estas palavras, isto não é silencio, é gritar bem alto.
Bjs.
Manuel

 
At 1/5/06 4:47 da tarde, Blogger AmigaTeatro disse:

:)***

 
At 2/5/06 4:49 da tarde, Anonymous pensamentos do João disse:

Silêncio tardio...
Amo te diz se no momento,
não se tem data...
é um sentimento da hora...
belas palavras sara ;)
tem uma boa semana sara ;)
um beijinho ;)

 
At 2/5/06 11:50 da tarde, Blogger Joao disse:

Olá, Sara :)

Não deixes que o silêncio cale o teu amor, ele viverá cada sílaba enquanto valer a pena...

Um beijo muito grande ;)

 
At 3/5/06 4:15 da tarde, Blogger Carmem L Vilanova disse:

Sara amiga!
Hoje, ao fim, retorno. Estive de mudança de casa, milhoes de coisas para arrumar, e para completar, mais de um mês sem internet e depois, uns quantos dias com a conexao sem funcionar bem... mas felizmente cá estou outra vez, para ler-te, saber de ti, e dar notícias de mim também.
Beijos, flores e muitos sorrisos para ti!

 
At 3/5/06 8:19 da tarde, Blogger AmigaTeatro disse:

Carmem,
agora estás de volta e é o que interessa :)
beijito*

 

Enviar um comentário

<< Voltar ao mundo