quarta-feira, fevereiro 23, 2005

engano

Queimo estes desejos
que teimam em permanecer
esqueço as memórias
para conseguir viver

Fecho os olhos
tapo os ouvidos
mas,
tudo vejo
tudo ouço
Vejo a tua voz
ouço o grito das palavras que me escreves

Faço tudo, sem sentido

Caminho descalça para o infinito
mas não o alcanço
e não desisto
Agarro o tempo
mas ele foge-me

Perco-me do meu corpo
procuro-me, mas não me encontro
Entrei no teu corpo,
no teu coração
foi sem querer
Oh, meu amor,
desculpa esta invasão
esta dependência cruel
este jeito de te amar

Deixa-me ficar sempre assim
junto a ti
num só corpo
perdida, para sempre, em ti

oh, meu amor,
desculpa-me…

32 à janela:

At 23/2/05 7:14 da tarde, Blogger ricardo disse:

bem se fosse eu não desculpava... agradecia! eheheh (mas acredito que desta forma vais conseguir "enganar" muita gente!) bj (texto sentido. lindo.)

 
At 23/2/05 8:21 da tarde, Anonymous Anónimo disse:

Fiquei a pensar qual é, objectivamente, o sentido do engano.
Desculpar: exactamente o quê e porquê? Será a invasão efectiva? Ou melhor, e mais violentamente, haverá realmente alguma violação (entendida esta num sentido mais lato)? Cenários possíveis, interpretações e interrogações alargadas... tudo, tudo para além da suposta objectividade e que nos chega, simplesmente, através do imediato. De facto há diferenças ou pode haver: entre o que está escrito e o que lemos. E ainda bem, pois o enriquecimento é bastante maior.

Beijinho,

Sandra
(http://www.void.weblog.com.pt)

 
At 23/2/05 9:46 da tarde, Anonymous cris disse:

O amor tem um estranho efeito sobre nós, n?

 
At 23/2/05 11:11 da tarde, Blogger Luna disse:

o amor tudo perdoa..tudo agradece

 
At 23/2/05 11:17 da tarde, Blogger AmigaTeatro disse:

Obrigada pelos comentários e boa noite, "minha" gente!! =))

 
At 24/2/05 2:21 da manhã, Blogger Fernando Moreira disse:

desculpem, mas a razão de ser do poema e da poeta está na frase "faço tudo, sem sentido". adorei a visita

 
At 24/2/05 2:21 da manhã, Blogger Fernando Moreira disse:

podia ter dito poetiza, mas não disse. beijos mil

 
At 24/2/05 2:43 da tarde, Blogger D disse:

pronto,eu desculpo. te
x) **

 
At 24/2/05 6:30 da tarde, Blogger AmigaTeatro disse:

knuque ;P

Daniela ;)*

(e amanhã já é sexta, uffa ://

 
At 24/2/05 8:31 da tarde, Blogger lobices disse:

...estavamos à "janela" e ela caiu; perdemo-nos de vista; tive de reiniciar tudo e quando voltei já não estavas à janela... sorry *

 
At 24/2/05 11:58 da tarde, Blogger Lyra disse:

Lindo!

 
At 25/2/05 3:41 da tarde, Blogger AmigaTeatro disse:

lobices,
eu bem que esperei um bocadinho, mas nada... até que decidi sair da minha janela...
fica para a próxima, hehe ;)

lyra,
bigada :)
(embora pareça mal eu confesso não gostar lá mto... :P )

 
At 25/2/05 7:22 da tarde, Blogger Alexandre Sousa disse:

A sensibilidade poética não se deve agradecer, apenas receber de braços abertos. Mas desta vez vou mais além e agradeço

 
At 25/2/05 8:23 da tarde, Anonymous Menina_marota disse:

Não peças desculpa por amares...
sensivel e lindo o teu poema...

Abraço e bom fim de semna :-)

 
At 25/2/05 10:12 da tarde, Blogger Luís Miguel disse:

Muito ternurento este "Engano"... Terá sido mesmo um engano??
.
.
Um bom fim de semana Sara...
E também eu lamento esta minha ausência neste teu Mundo à Janela ultimamente. O tempo escapa-se mas de qualquer forma a corrente mantém-se e isso é o importante.
.
.
Beijinho..

 
At 26/2/05 11:23 da manhã, Blogger AmigaTeatro disse:

Bom fim-de-semana: Alexandre Sousa, menina_marota e Luís Miguel :)*

 
At 26/2/05 2:08 da tarde, Blogger dinorah disse:

Liiiiiindo!!

Bom fim de semana!
beijinhos

 
At 26/2/05 2:29 da tarde, Blogger dinorah disse:

"Perco-me do meu corpo
procuro-me, mas não me encontro
Entrei no teu corpo,
no teu coração
foi sem querer
Oh, meu amor,
desculpa esta invasão
esta dependência cruel
este jeito de te amar"


uau...

 
At 26/2/05 4:04 da tarde, Blogger Ad_Rocha disse:

Um convite a todos os amigos da amiga teatro, a visita ao meu blog é inevitável! Esta semana temos um jogo excepcional, o jogo da gramática:

É assim:

é diferente a amigateatro que o teatro da amiga;

ou

não é a mesma coisa um engano que Eu ganho!

Va, a todos: Ricardo, cris, luna, Sandra, Knuque, daniela, lyra... todos.

O prémio são dois bilhetes para o teatro de uma amiga.

ad

 
At 26/2/05 4:49 da tarde, Blogger Angel disse:

por vezes desejamos essa união..
por vezes? sempre!!
* * *

 
At 26/2/05 9:06 da tarde, Blogger pensante disse:

Pode ter sido sem querer, mas não foi engano. Invada!, principalmente se o destino estiver aberto, não é todos que conseguem entrar no outro. A pessoa que é invadida tem que aceitar, e nesse caso o perdão não faz sentido... apenas desfrute de seu novo corpo compartilhado.

 
At 26/2/05 10:52 da tarde, Blogger Joao disse:

Lindo :) as tuas palavras tocam-me. É estranho como o amor nos distancia de nós próprios, mas nos faz retornar a bem dentro de nós... Na união dos dois corpos, das duas almas, é todo um novo universo que se cria :)

Era bom que não sentissemos necessidade de pedir desculpa ...

Obrigado pela tua visita. Espero que voltes mais vezes. Eu passarei sempre por aqui.

Um beijinho

 
At 27/2/05 1:49 da manhã, Blogger AmigaTeatro disse:

dinorah =))*

ad_rocha,
já lá dei um pulinho ;)

life_angel,
e o que nos mantem vivos é precisamente isso: essa capacidade de sonhar; de querer, de ambicionar... enfim...
;)*

pensante,
agradeço a visita,
volte sempre :)

João,
pedimos desculpa a quem nos é importante...
;)
Boa noite!*

 
At 27/2/05 2:20 da tarde, Blogger AS disse:

Adorei a ternura que colocas em cada expressão... em cada palavra!
és linda...

um beijo

 
At 27/2/05 6:50 da tarde, Blogger musqueteira disse:

Deixar...
O coração, deixar de bater.
Apenas deixar, que o teu se aninhe ao meu.É pois ao deixar de bater, que avistamos o Céu sem querer.
:)porque gostei das suas palavras.Agradeço a visita que fez ao meu Blog.

 
At 28/2/05 2:39 da tarde, Blogger isa xana disse:

aqui vim parar por acaso. e já cá tinha parado antes.
quis dizer-te que gostei muito da ternura e do sentimento que colocas em cada palavra.

*

 
At 28/2/05 8:59 da tarde, Blogger AmigaTeatro disse:

frog,
e eu simplesmente agradeço :)
Obrigada*

musqueteira,
e eu agradeço, também. ;)

isa xana,
então vê se paras sempre por aqui, sem querer. Sem saber.
:)

 
At 28/2/05 9:03 da tarde, Blogger A vizinha do lado disse:

Ora, ora. Aqui encontro uma janela com muito mais coisas de amor do que as que avisto da minha. A espreitar mais vezes ;)

 
At 28/2/05 9:29 da tarde, Blogger Guida disse:

tapa o que vês à frente, sente só o cheiro. não é tao bom?
nao penses que o tempo pode passar, caminha simplesmente para o infinito ate nao puderes mais de cansaço.
nao desistas do corpo, ele é o teu unico pilar.. sem ele nao te aguentarias, sem ele nao poderias fazer viagens multiplas ao universo, sem ele os olhos tambem nao comandariam todos os arco-iris que constantemente agarras, que tentas agarrar...
agora está a chegar a altura da chegada, do começo - aos poucos ouves um passo que gostas tanto, vês um sorriso que gostas tanto, comes um perfume que gostas tanto.

pára agora. sente só este sentido. não é brutal? :)

as melhores viagens sao essas.

um beijinho e dois e três :)

Guida

 
At 2/3/05 12:16 da manhã, Blogger rita disse:

que delícia! quem não perdoa um jeito de amar tão doce...
maravilhada!
bjoca

 
At 2/3/05 6:52 da tarde, Blogger AmigaTeatro disse:

Guida,
o que foi brutal foi encontrar aqui um comentário teu =D
bjinho :)*

Ursinha,
ui, acho que fui perdoada lol
;)

 
At 31/5/10 8:47 da manhã, Blogger 文章 disse:

avdvd,色情遊戲,情色貼圖,女優,偷拍,情色視訊,愛情小說,85cc成人片,成人貼圖站,成人論壇,080聊天室,免費a片,視訊美女,視訊做愛,免費視訊,伊莉討論區,sogo論壇,台灣論壇,plus論壇,維克斯論壇,情色論壇,性感影片,正妹,走光,色遊戲,情色自拍,kk俱樂部,好玩遊戲,免費遊戲,貼圖區,好玩遊戲區,中部人聊天室,情色視訊聊天室,聊天室ut,成人遊戲,免費成人影片,成人光碟,情色遊戲,情色a片,情色網,性愛自拍,美女寫真,亂倫,戀愛ING,免費視訊聊天,視訊聊天,成人短片,美女交友,美女遊戲,18禁,三級片,自拍,後宮電影院,85cc,免費影片,線上遊戲,色情遊戲,日本a片,AV女優

 

Enviar um comentário

<< Voltar ao mundo